Iniciar / Parar Trilha

Surfista_Prateado.jpg

 Surfista Prateado    Color/Dublado

"Bem alto, acima do topo do mundo, ele voa... livre e inabalável como o próprio vento!

Desbravador de um trilhão de galáxias.

Arrojado peregrino que veio dos mais longínquos confins do espaço!

Ele é o reluzente buscador da verdade que os homens chamarão para todo o sempre de... SURFISTA PRATEADO!" 

Ele simboliza as mais celestiais aspirações do espírito humano.

Também representa o mais sincero esforço da Marvel em elevar o nível dos gibis de super-herói.

Ele é o Surfista Prateado. Um nobre e altruístico personagem, que surgiu como uma anomalia no eletrizante mundo dos quadrinhos. Uma entidade fictícia criada para cativar não apenas crianças e adolescentes, mas também leitores adultos e de gosto mais refinado.

Ironicamente, quando este abnegado extraterrestre apareceu pela primeira vez, ele era um arauto do mais aterrorizante vilão do universo Marvel, a semidivindade conhecida como Galactus. Entretanto, devido à sua corajosa decisão de impedir que seu mestre destruísse a Terra, exterminando bilhões de seres vivos, o Surfista Prateado foi alçado à mais elevada nobreza que um herói pode preconizar. Tal qual Adão, que ao exercer seu livre-arbítrio perdeu o paraíso e recebeu o sofrimento dos mortais, o Surfista Prateado foi condenado a viver para sempre em nosso mundo, eternamente banido do cosmo infinito que tanto amava explorar. Contudo, nem o maior dos castigos, nem todo o seu suplício macularam sua alma. Mesmo com sua tragédia, mesmo sendo um símbolo de liberdade infinita assolado pela realidade mundana, e ainda que tentasse ajudar uma humanidade que só lhe retribuía com repúdio, o Surfista jamais perdeu sua singela inocência.

O Surfista Prateado surgiu em 1966, numa história ilustrada pelo mestre Jack Kirby. Imediatamente, Stan Lee, o grande inovador dos quadrinhos, apaixonou-se por aquela cativante novidade. Tanto que, embora os leitores clamassem por mais histórias do dramático herói, Lee se recusava a atender a demanda popular enquanto ele próprio não pudesse produzi-las com seus inspiradíssimos diálogos. E o destino do Surfista deixou de ser incerto apenas dois anos depois. Quando Lee finalmente encontrou o tempo de que necessitava para elaborar um novo título, e o magnífico John Buscema aceitou ilustrá-lo, o Arauto Cósmico enfim ganhou sua fascinante história. Num trabalho memorável de Lee e Buscema, os leitores descobriram que salvar a Terra não era o primeiro sacrifício do herói. Muito tempo antes, o Sentinela das Estrelas já havia realizado o mais nobre esforço que uma alma humana pode empreender, salvando também seu próprio mundo natal da fome voraz de Galactus. 

 

 

Qualidade Razoável

 


Coletânea

Disco 1 R$ 10
A origem do surfista prateado Parte 1
A origem do surfista prateado Parte 2
A origem do surfista prateado Parte 3
O planeta do Dr. Moreau
A curva do conhecimento parte 1
A curva do conhecimento parte 2

Disco 2 R$ 10
Anticorpo
Um segundo começo
Justiça radical
Arma eterna
Retorno a Zen La
O fim da eternidade

Criação de Site